Sabia que…

28.06.2021 | Sabia que...? | 0 comments

A rainha do Fundão é a cereja?

A cereja do Fundão é um produto de Indicação Geográfica Protegida. A sua produção é circunscrita à totalidade do concelho do Fundão e às freguesias limítrofes a sul, nomeadamente, Louriçal do Campo e Lardosa, no concelho de Castelo Branco; a norte, às freguesias de Ferro e Peraboa, no concelho da Covilhã.

Como surgiram as cerejas nesta região, ainda é um mistério, mas supõe-se que tenham sido trazidas para a Europa pelos gregos e romanos, eventualmente, vindas do oriente. As suas referências na literatura nacional surgem apenas a partir do século XIX. Apesar de ser produzida um pouco por todo o país, a cereja do Fundão tem a fama de ser a melhor, a mais suculenta e a mais deliciosa de Portugal.

Este apetitoso fruto destaca-se por ter uma consistência firme e carnuda; a sua cor varia entre o vermelho púrpura e o vermelho alaranjado; o sabor é doce e a sua produção realiza-se na primavera, entre maio e junho.

Além de ser consumida naturalmente, enquanto fruto fresco, serve também para fazer compota de cereja, bombons de chocolate e cereja, pastéis de cereja, licor de cereja e ainda gin e aguardente. Boa ideia será fazer a Rota da Cereja, passear pela região e encontrar cada uma destas delícias pelas redondezas.  

De destacar, ainda, o provérbio português que diz “As conversas são como as cerejas…”, o que significa que as conversas são algo difícil de terminar, de tão bom que é conversar. Assim como as cerejas, que quanto mais se comem, mais se querem comer.

O Fundão é uma cidade portuguesa do distrito de Castelo Branco, que fica na região Centro de Portugal, junto à Serra da Estrela. É sede de município e é limitado a norte pelos municípios da Covilhã, Belmonte e Sabugal, a leste por Penamacor e Idanha-a-Nova, a sul por Castelo Branco, a sudoeste por Oleiros e a oeste pela Pampilhosa da Serra.

Partilhar é cuidar!

Cátia Rodrigues

Cátia Rodrigues

categorias

artigos mais recentes

Sabia que…

Sabia que…

A ilha da Madeira tem um pão próprio? Trata-se do Bolo do Caco. Apesar de ter “bolo” no nome, não é um alimento doce....

Sabia que…

Sabia que…

O Parque Natural Sintra-Cascais é um museu a céu aberto? Com uma área superior a 14 000 hectares, abrange os...

Sabia que…

Sabia que…

As amendoeiras existem em Portugal devido a uma linda história de amor? Diz-se que nos tempos em que o Algarve era...

Sabia que…

Sabia que…

Em Portugal há quem esconda a comida numa gaveta? É sabido que o povo português é um dos mais acolhedores do mundo e...

Artigos Relacionados

Sabia que…

Sabia que…

Em Portugal não se diz: “fui enganado”? Diz-se: “fiquei a ver navios”. Esta é uma expressão muito portuguesa, que pode ter várias explicações. Como é sabido, Portugal foi um dos descobridores do mundo. Nessa época, muitos foram os navios a partir...

Continue Reading
Sabia que…

Sabia que…

A ilha da Madeira tem um pão próprio? Trata-se do Bolo do Caco. Apesar de ter “bolo” no nome, não é um alimento doce. É um tipo de pão, confecionado à base de batata doce e farinha de trigo. O seu sabor é, na verdade, bastante neutro. Não se sabe...

Continue Reading
Sabia que…

Sabia que…

O Parque Natural Sintra-Cascais é um museu a céu aberto? Com uma área superior a 14 000 hectares, abrange os concelhos de Sintra e Cascais e compreende uma zona agrícola, onde se produz fruta e vinho e a zona costeira, com praias, falésias e...

Continue Reading
You cannot copy content of this page